6 de nov de 2011

Alfabetos de Tolkien


Eu já havia mostrado aqui o meu nome escrito no idioma Quenya utilizando o alfabeto Tengwar, ambos inventados por Tolkien. Há uns dois anos atrás, eu comecei a estudar Quenya e Sindarin, aprendi algumas coisas, por pura curiosidade. Mas Tengwar eu nunca parei pra entender. A curiosidade está batendo agora, então selecionei alguns materiais sobre os idiomas e os alfabetos inventados pelo mestre.

Amanye Tenceli: fala dos Sistemas de Escrita de Aman.
Quenta Eldatencelion: fala dos sistemas de escrita élficos.
Tolkien’s english runes: sobre as runas de Tolkien.

Quenya Tengwainen: para escrever em Quenya com o alfabeto Tengwar.
Tîw i lam Thindrim: para escrever em Sindarin com o alfabeto Tengwar.
Writing numbers with Tengwar (escrevendo numerous com o alfabeto Tengwar)

Para escrever em português utilizando os alfabetos de Rúmil, Tengwar e Angerthas:

Também foram confirmadas duas boas notícias: o relançamento do Curso de Quenya e a publicação de um livro sobre como escrever em português utilizando o alfabeto Tengwar No site do Rodrigo Rodrigo Jaroszewski, Èlfico, eis a notícia sobre o Curso de Quenya:

“A editora Arte & Letra fará o relançamento do Curso de Quenya, com aproximadamente 75% do seu conteúdo revisado de acordo com o tradutor, Gabriel Brum. Eu havia vendido minha cópia num evento a três anos por causa do grande número de revisões necessárias, que haviam deixado a edição completamente obsoleta para os meus propósitos.”

Sobre o livro, é um projeto que vem se desenvolvendo há anos e agora está em sua quinta versão, disponibilizada pelo fórum Valinor para download.
É um senhor projeto esse livro. Eu só comecei a estudar Quenya e Sindarin. Tengwar, eu só dei uma pincelada. Mas morro de vontade de aprender.

Um comentário:

  1. Baby, amanhã dia 11, será o sorteio de A Linguagem das Flores. Última chance de participar!
    www.imaginayre.blogspot.com

    ResponderExcluir